Mas que (*&#(!@ é essa?

Aqui vou aproveitar pra mostrar meu total descontentamento com a justiça brasileira. Como é que pode, bloquear o acesso a um site, diga-se de passagem, o maior site de vídeos do mundo.  

Com todo respeito à modelo/atriz, ao seu advogado e ao desembargador, ela é uma puta, o doutor é um corno e ele deve ser um cara muito desocupado, respectivamente. Reiterando, com todo o respeito. Mas como é que pode? Gente, é a internet! As gravadoras não conseguem barrar o contrabando digital que há; gravadoras de todo o mundo, até do nosso senhor E.U.A. Livros, músicas, jogos, softwares, nada é abertamente barrado na internet – é proibido sim, mas não é por isso que é impossível de se conseguir gratuita e – frisando – facilmente. Agora, proibir o acesso a um site que tem de tudo, sendo a trepada daquela magrela a coisa mais desimportante de lá, francamente. É no mínimo prepotência demais imaginar que milhões de usuários tupiniquins que visitam o YouTube todos os dias vão lá pra ver cenas calientes numa praia. “Olha, é a Daniela!”. Eu já vi o vídeo, e ela é fraquinha sim. Se eu estiver interessado em ver conteúdo pornô, vejo muito mais coisa de muito melhor qualidade, de forma rápida e fácil. A melhor atriz pornô do mundo não é uma modelo que morde as orelhas.

Aqui peço desculpas pelos palavrões. Desculpem-me o(s) leitor(es) desse blog e desculpem-me os alvos dos insultos. Mas entendam, o problema não é bloquear o acesso ao site; o problema é imaginar que, quando for conveniente, a censura pode ser aplicada sem maiores problemas. Deus do céu, é a internet!! Ave Internet. É facílimo acessar o vídeo, mas bloquear o acesso, ah, isso é extremismo de última ordem.

Não usemos dois pesos e duas medidas. Ora, se o site foi bloqueado porque tinha um vídeo que mostrava cenas íntimas de um casal, o que diabos um casal queria protagonizando cenas íntimas em um lugar público? Quer dizer, se há milhões de brasileiros “penalizados” por causa de algo que eles não fizeram, nada mais justo do que usar o próprio vídeo como prova de atentado ao pudor, se é que isso existe lá na Espanha (bom, eu duvido que não exista). E daí que ninguém tava olhando, só uma câmera? Isso não diminui o ato! Eles transaram numa praia! Havia crianças lá, e a câmera não registrou. Na verdade, eu não tô nem aí pras criancinhas (como se as criancinhas de hoje não soubessem o que é isso), eu quero mais é que a Daniela se dê mal, porque provocar um rebuliço desses e ficar tudo por isso mesmo não me parece nada justo.

Veja que coisa: eu posso ir à praia, transar lá e quem tá lá pode ver. Mas ninguém pode ver.

Eu fico muito triste e muito puto. Se fosse a minha internet, ah, eu ficaria danado. Gente, é a Internet, é o YouTube! A mim parece muito claro a vontade de se promover, de querer sair por cima depois que fez a besteira.


3 Comentários on “Mas que (*&#(!@ é essa?”

  1. Rafael disse:

    Concordo, reconcordo e recontraconcordo, Caco. Se ela quer proibir que vejam ela bimbando, que diabos ela estava fazendo na praia? Motéis existem pra isso!! É só ela não brigar com o namorado, como fez o marido da Susana Vieira… :PPelo menos o Governo viu que não adianta fazer censura no país. Voltaram atrás. Viva a Democracia!E a Cicarelli que vá fazer amor em um quarto. Eu alugo o meu, se ela desejar😀

  2. bleno disse:

    Tbm concordo colega…Mas temos que assumir que em uma “nação” – por assim dizer -, o dinheiro rege as regras da sociedade.Com dinheiro sificiente, tudo é possível. Além do mais, brasileiro sempre dá um jeitinho. E com dinheiro então!!Flw Caco![]´s

  3. sheyna disse:

    huhuhuhuRelaxa rapax, tá tudo bem agora vc já pode ver o que quiser( ou quase tudo)…bjus e fica com Deus


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s